Eventos Científicos

Sirius

O Instituto Sul-Americano para Pesquisa Fundamental (ICTP-SAIFR) sedia, nos dias 30 de abril e 1º de maio de 2019, o primeiro Fórum Estratégico Latino-Americano para Infraestrutura na Pesquisa (LASF4RI).

O evento reunirá representantes da comunidade científica sul-americana e chefes de agências de financiamento com o objetivo de debater a possibilidade de cooperações que exijam grandes infraestruturas no contexto da América Latina.

Haverá transmissão ao vivo pelos links www.youtube.com/watch?v=eFB4c9Ue5_0 (dia 30/04) e www.youtube.com/watch?v=8fEbya0xg70 (dia 01/05).

Os pesquisadores terão a possibilidade de discutir questões pertinentes com os principais responsáveis por políticas científicas na região, além dos diretores de agências de fomento e dos representantes de grandes colaborações nas áreas de física de partículas e cosmologia.

Entre os

pesquisas científicas

Líderes de agências de fomento de diversos países vão anunciar durante o 8º Annual Meeting 2019 do Global Research Council (GRC), em São Paulo, uma posição em relação à expectativa de organismos financiadores e governos de que o apoio às pesquisas científicas promova soluções para desafios econômicos e sociais em todo o mundo.

O anúncio será feito por meio de uma Declaração de Princípios, a ser divulgada durante o encontro anual do GRC. O evento reunirá cerca de 50 chefes de agências de fomento de 50 países nos cinco continentes e ocorrerá entre os dias 1º e 3 de maio.

O evento é organizado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

Meninas SuperCientistas

Um grupo de professoras e alunas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) organiza o evento Meninas SuperCientistas, voltado a estudantes do 6º ao 9º ano do ensino fundamental. O evento acontecerá em de junho de 2019. As inscrições começam no dia 23 de abril e terminam em 5 de maio.

Em quatro sábados de junho, 50 meninas de escolas públicas e privadas vão participar de oficinas, palestras e atividades práticas em várias áreas do conhecimento. A proposta tem o objetivo de incentivar a carreira científica, especialmente em áreas de exatas e engenharias.

A ideia foi inspirada em Meninas com Ciência, iniciativa das mulheres do Departamento de Geologia e Paleontologia do Museu Nacional da Universidade Federal

Cultivares de trigo para o Cerrado

A principal limitação ao crescimento do trigo no Brasil Central tem sido a brusone, doença causada por um fungo que ataca a espiga, resultando em queda no rendimento em função dos grãos deformados e de baixo peso específico. Como ainda não existem cultivares resistentes à doença, o produtor precisa conhecer as melhores estratégias de manejo para reduzir as perdas por brusone nas lavouras de trigo. Este é o tema da palestra do pesquisador da Embrapa Trigo João Leodato Nunes Maciel, marcada para o dia 10 de abril, às 10h30min, no auditório da Casa da Embrapa instalada na 18ª Tecnoshow Comigo 2019. 

Durante a feira, que acontece de 8 a 12 de abril, em Rio Verde,

Inovação e Tecnologia

A Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras (Anpei) e a Câmara Brasil-Alemanha (AHK) promovem a quarta edição do Ciclo de Capacitação em Inovação e Tecnologia, com inscrições abertas até 22 de abril de 2019.

Os cursos terão consultores e executivos de empresas que realizam inovação no Brasil para discussão de temas tratados no dia a dia das empresas.

Serão oferecidos sete módulos, com aulas das 9h às 18h: 1) Gestão da Inovação; 2) Megatendências e Desenvolvimento de Cenários Futuros; 3) Geração de Ideias e Modelagem de Negócios; 4) Mapas de Rotas Tecnológicas para Planejar Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação – Roadmap; 5) Desenvolvimento da Cultura de Inovação; 6) Corporate Venture; e 7) Elaboração

Grand Prix de inovação

Como parte do evento Engineering Education for the Future (EEF) 2019, o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) promoverá o Innovation Grand Prix. Equipes formadas por alunos serão desafiadas a apresentar resultados materiais em um prazo de 40 horas para a solução de temas a serem propostos no início da competição.

O desafio consiste de dois temas comuns a todas as equipes, que serão divulgados no início do evento; os temas deverão ser mapeados e desenvolvidos com a apresentação de resultados materiais palpáveis por meio de maquetes/protótipos que demonstrem a viabilidade da solução e da produção em larga escala.

A apresentação final consistirá de um pitch (apresentação) de seis minutos para os dois temas. Serão selecionados

sisteminha Embrapa

Entre os próximos dias 11 e 13 de abril, acontece a 5ª AgroSudeste / Feira Agrotecnológica da Região Sudeste do Tocantins. Serão diversas atividades, com destaque para três dias de campo técnicos. Um sobre bovinocultura, no primeiro dia; outro, no dia 12, sobre piscicultura; e um terceiro dia de campo, no último dia do evento, sobre fruticultura. As três são importantes cadeias produtivas tocantinenses e apresentam potencial de incremento.

A Embrapa vai participar de dois dias de campo da AgroSudeste. No primeiro dia, o zootecnista Pedro Alcântara fala sobre sistema intensivo de produção de carne em pastagens. E o também zootecnista Cláudio Barbosa trata de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF). Ambos trabalham na área de transferência de

Fake news

As fake news, notícias falsas propagadas principalmente por meio das redes sociais, não poupam assunto nem área de conhecimento. Os impactos desse fenômeno na ciência serão discutidos no primeiro evento do Ciclo ILP-FAPESP de Ciência e Inovação de 2019.

Resultado de uma parceria entre o Instituto do Legislativo Paulista e a FAPESP, o evento ocorrerá no próximo dia 25 de março, das 15h às 17h, na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), e contará com a participação de quatro palestrantes. Inscrições podem ser feitas pelo site da Alesp. 

O jornalista Francisco Rolfsen Belda, professor do Departamento de Comunicação Social e vice-coordenador do Programa de Pós-Graduação em Mídia e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista (Unesp), abordará a “Divulgação

webinar Embrapa

A bioeconomia pode ser definida como uma economia em que os pilares básicos de produção, como materiais, químicos e energia, são derivados de recursos biológicos renováveis. Nessa “nova” economia, a agricultura tem papel central não somente na produção de alimentos, mas também na produção de novos fármacos, fibras, produtos industriais e energia. Aproveitar todo o potencial das biomassas utilizadas como matérias-primas, do produto principal a seus resíduos, da melhor maneira possível, está na base da bioeconomia. A transição de uma economia linear para uma economia circular, que faça uso sustentável de recursos biológicos renováveis, requer o desenvolvimento e uso intensivo de novos conhecimentos científicos e tecnológicos em diversas frentes do conhecimento como engenharia genética, biologia

ovos

Avicultores, profissionais e estudantes de graduação e pós-graduação estão convidados a participar da atualização e treinamento em bem-estar animal na produção de ovos que acontece no dia 6 de junho em Venda Nova do Imigrante-ES.

Durante o treinamento vão ser discutidos os avanços técnicos e as práticas de bem-estar animal aplicadas à avicultura de postura no país, unindo no discurso a visão do Governo, das empresas e dos produtores. Ao mesmo tempo, será proporcionada aos produtores de ovos uma atualização do tema na cadeia produtiva.

O evento acontece no Centro de Eventos Padre Cleto Caliman (Polentão), durante a 5ª Favesu, Feira de Avicultura e Suinocultura Capixaba. A organização é dos pesquisadores da Embrapa Helenice Mazzuco

Oceanos ameaçados

“Oceanos Ameaçados” será o tema do primeiro programa Ciência Aberta em 2019, que será exibido na terça-feira, 19 de março, às 11 horas.

O papel dos oceanos no equilíbrio do planeta, os mecanismos de circulação de água e de transferência de energia térmica entre os hemisférios e como isso está sendo afetado pelas mudanças climáticas globais e pela poluição serão assuntos debatidos pelos convidados.

Participarão do programa os cientistas:

Ilana Wainer, professora no Departamento de Oceanografia Física do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo e membro do comitê gestor do INCT-Criosfera.

Michel Michaelovitch de Mahiques, professor no Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo e pesquisador em sedimentação, estratigrafia, região costeira, plataforma continental e