Eventos Científicos

Amazônia

As dimensões científicas, sociais e econômicas do desenvolvimento da Amazônia serão debatidas por pesquisadores do Brasil e dos Estados Unidos em um evento em Washington, na próxima segunda-feira (24/09).

O workshop Scientific, Social and Economic Dimensions of Development in the Amazon é organizado pela FAPESP em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e o Wilson Center. O evento é uma continuação de outro com o mesmo título, realizado em 16 de agosto em Manaus.

Os principais objetivos são divulgar pesquisas financiadas pela FAPESP sobre o bioma amazônico e discutir de modo interdisciplinar os fatores científicos, sociais e econômicos do desenvolvimento da Amazônia.

Serão explorados nos debates o funcionamento ecológico, a biodiversidade

câncer

Resultados de pesquisas recentes sobre câncer serão destacados em evento na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), no dia 24 de setembro de 2018.

O Ciclo de Palestras ILP-FAPESP terá como tema “A Ciência Contra o Câncer”. Uma das palestras programadas é a “Método de autocoleta de amostras para exame de HPV e outros indicadores de câncer de colo de útero”, com Daniela Baumann Cornélio, fundadora da Ziel Biosciences, empresa que conta com apoio do Programa FAPESP Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE).

As outras palestras serão “Influência dos hábitos alimentares e estilo de vida no câncer gástrico”, com Emmanuel Dias Neto, cientista adjunto no Centro Internacional de Pesquisas do AC Camargo Cancer

acessibilidade

Para marcar o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) realiza, em 20 de setembro de 2018, das 9h às 12h30, o 2º Encontro do Comitê Fiocruz pela Acessibilidade e Inclusão das Pessoas com Deficiências, no auditório do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS/Fiocruz), no campus Manguinhos da instituição, no Rio de Janeiro. 

Na ocasião, será lançada a consulta interna para elaboração da Política de Acessibilidade e Inclusão das Pessoas com Deficiências da Fundação, proposta pelo Comitê para se tornar referência para o planejamento de ações institucionais e que ficará disponível para contribuições na Intranet Fiocruz até 19 de outubro. O segundo encontro também contará com

biomas brasileiros

A partir de 3 de setembro, moradores e visitantes da Cidade Imperial poderão conhecer a mostra Biodiversidade e Saúde, que discute as relações entre biodiversidade, saúde e perspectivas socioambientais. Biodiversidade é a exuberância da vida na Terra e, no Brasil, vivem mais de 20% do total de espécies do planeta, o que nos torna responsáveis pela gestão do maior patrimônio de biodiversidade do mundo. Refletir sobre os desafios e as oportunidades que isso representa para a nossa vida e a nossa sociedade é o convite que a exposição Biodiversidade e Saúde faz aos seus visitantes. A mostra estará em cartaz no Palácio Itaboraí, prédio histórico onde funciona a unidade especial da Fiocruz em Petrópolis (RJ).

Realizada pelo Museu

Camp Serrapilheira

O Camp Serrapilheira, primeiro evento de divulgação científica do Instituto Serrapilheira, será realizado no Museu do Amanhã, Rio de Janeiro, de 4 a 7 de setembro de 2018.

Os objetivos do evento são aumentar o interesse geral pelas ciências, incentivar crianças e adolescentes a buscar carreiras na área, aprimorar a comunicação de pesquisadores e incentivar novas formas de divulgação científica.

O Camp Serrapilheira inclui um evento público e gratuito no dia 4 de setembro, no auditório do Museu do Amanhã. O público poderá assistir às apresentações e aos debates de criadores de iniciativas de sucesso. No evento haverá apresentações de quatro iniciativas de divulgação científica dos Estados Unidos e do Canadá: Curiosity Machine, Perimeter Institute,

V EnPI

Em cada região do País existem biomassas aptas ao processamento industrial e também resíduos específicos gerados nas diversas etapas do processo de industrialização. Neste foco a pesquisa atua para identificar e caracterizar tais biomassas resíduos afim de que os mesmos possam gerar bioprodutos. Desta forma, industriais podem aproveitar grande parte da matéria-prima por ela utilizada de forma eficiente e gerando maiores retornos econômicos. Além disso, dada a maior utilização da biomassa, com consequente aproveitamento de resíduos que se não tratados poderiam se tornar passivos ambientais, tal estratégia visa amenizar ainda os danos ao meio ambiente das biorrefinarias. 

Essa abordagem, será o tema da segunda mesa redonda do V Encontro de Inovação e Pesquisa da Embrapa Agroenergia

Cerca de 300 especialistas internacionais vão se reunir de 26 a 31 de agosto, em Foz do Iguaçu, Paraná, para apresentar as novidades da ciência sobre a interação planta microrganismos e os benefícios do uso de bactérias e fungos promotores do crescimento de plantas. Serão três eventos em seis dias: o XVI Simpósio sobre Fixação Biológica de Nitrogênio em Não-Leguminosas, o IV Workshop Latino-Americano de PGPR e a XIX Relare.

O objetivo é apresentar os últimos resultados da academia e conciliar essas pesquisas com a necessidade dos mercados brasileiro e internacional de insumos agrícolas. Já se sabe que há muitos avanços e a cada dia os cientistas ampliam mais o conhecimento sobre a interação entre

Vacinação

A Fiocruz vai realizar nesta quinta-feira (16/8), das 8h30 às 14h, no Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz), um evento de atualização no manejo clínico e vigilância do sarampo para os profissionais de saúde dos municípios do Estado do Rio de Janeiro. As inscrições podem ser feitas aqui. O seminário Sarampo: manejo clínico e vigilância é promovido pela Coordenação de Vigilância em Saúde e Laboratórios de Referência da Presidência da Fiocruz e pelo IFF.  No evento serão enfatizadas a situação epidemiológica do sarampo no Brasil, as estratégias de imunização e o manejo clínico da doença – diagnóstico, complicações e tratamento. Um dos objetivos é construir protocolos e notas técnicas para disseminar

Reuniões na Fiocruz

O tripé ciência, tecnologia e inovação é essencial para que se alcance os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), o ambicioso plano de metas da ONU para o ano 2030. “Com a tecnologia disponível hoje, não somos capazes de resolver os problemas do mundo”, explica Veerle Vandeweerd, ex-funcionária da ONU e especialista em desenvolvimento sustentável. Com isso em mente, o Instituto Flamenco de Pesquisa Tecnológica (Vito, na sigla em holandês), em conjunto com outras instituições de ciência e tecnologia não-lucrativas, incluindo a Fiocruz, organiza uma série de conferências globais sobre tecnologia e inovação sustentável, o G-STIC, que esse ano será em novembro, em Bruxelas (Bélgica).

“Esta é uma iniciativa muito jovem, com apenas 20 meses, que

Cientistas e estudantes

Emoções humanas básicas como tristeza, raiva, alegria e mesmo outras mais complexas como compaixão e gratidão ganham cada vez mais espaço nas Neurociências. O novo campo da Neurociência Social e Afetiva é tema da São Paulo School on Advanced Science on Social and Affective Neuroscience, que ocorre até 31 de agosto em São Paulo. O evento tem apoio da FAPESP.

“Essa Escola São Paulo de Ciência Avançada se propõe a discutir as bases neurobiológicas que subjazem as questões relacionadas à moral, à interação humana e às emoções”, disse Paulo Sérgio Boggio, coordenador do Laboratório de Neurociência Cognitiva e Social da Universidade Presbiteriana Mackenzie e organizador do evento. 

“Estamos discutindo aspectos do julgamento e do desenvolvimento

simpósio sobre esquistossomose

Cientistas, gestores de políticas públicas e estudantes de graduação e pós-graduação estarão reunidos entre os dias 1º e 3 de agosto, no Rio de Janeiro, para a 15ª edição do Simpósio Internacional sobre Esquistossomose. Promovido pelo Programa de Pesquisa Translacional em Esquistossomose da Fundação Oswaldo Cruz (Fio-Schisto) – ligado à Vice-Presidência de Pesquisa e Coleções Biológicas da Fiocruz, e pelo Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz), o evento acontece no Hotel Rio Othon Palace, em Copacabana (Av. Atlântica, 3.264 –). Com a participação de especialistas brasileiros e estrangeiros, o evento discute os avanços relacionados ao diagnóstico e tratamento, além de estratégias de prevenção e controle da esquistossomose, que permanece endêmica em ao menos 78 países. Conferências, mesas-redondas